Manifesto do Beijo, PT.1

Stay on the scene,

já nos ensinava o Senhor Dinamite aí da esquerda. Então, sigamos o conselho do Grão Mestre Varonil

like a sexy machine

faziam coro os humanz beans (os feijões humanos), que foram e sempre serão os seguidores do balanço, do groove, do agito. Contra a boçalidade, contra os caretas, sempre hão de surgir a banda do Sargento Pimenta, gritando: “Não passáras, não matáras, não arredo o pé enquanto houver convicções que me mantém um digno representante da anti-conformidade”.

A CANA??? Como que esse filhos da puta foram me pegar aqui? E agora como eu vou fuder com o Batman?

A CANA??? Como que esse filhos da puta foram me pegar aqui? E agora como eu vou fuder com o Batman?

Tentaram prender JB. As acusações de sempre que alegam que são nossos crimes. Masturbação em público, e porte de arma.  O que JB fez?  Mandou o payback, mandou a vingança.

Contra a pasmaceira, contra o fique quieto, continuando os ensinamentos do Rei Simba, vozes portentosas, jamais claudicantes, berram: “Dessa linha em frente, há de ouvir o Barulho.”

Baseado nisso, jardins nascem, acordes são tocados, versos escritos, bytes ocupados.

Queridos amigos escreveram o Manifesto do Queijo, posição legítima de jovens da Terra Alterosas. Estou com eles e não abro.

Coringas, Tylers Durdens e Alex DeLarge sempre hão de surgir.

Rumo à Pasárgada

Rio e Belissimo Horizonte.

Derrama o leite todo em minh’alma.

E Love, Love, Love, á contaminar o mundo numa gradual hemorragia.

~ por cafasorridente em outubro 24, 2008.

2 Respostas to “Manifesto do Beijo, PT.1”

  1. […] Semana passada, tive a oportunidade de botar meu som (soul?) numa transa maluca, reeditando a parceria com meus parceiros de projeto, Tempo Plástico e Porta Pantográfica, dois expoentes do rock mineiro, signatários do Manifesto do Queijo e fãs do Manifesto do Beijo. […]

  2. cafa
    brilhante expoente do manifesto do queijo.
    alma perdida que por muitas aventuras vagou sem direção.
    agora encontrou seu lar, sua vontade e razão de viver
    kisses de bogus seu leitor predileto e ciúmes de todos que por essa terra virtual ão de se locomover.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: