Texto Apresentação – 1 Ano Black Broder

Vou na onda dos Beastie Boys – meninos brancos apaixonados pelos eflúvios do rap. Só que o rap não é só o rap. O rap é jazz, é o samba, é o blues – o rock em roll e todo e qualquer mexida de suingue que os negões inventaram e o sistema entendeu que era do bom.

Os Beastie boys falaram ‘you gotta fight for your right to party’ – o que nos lembra o Hermano Viana – que no seu livro ‘O Mundo Funk Carioca’ diz sobre o caráter imortal e catártico da festa. A libertação pelo ritmo – o transe.

James Brown, o Sr. Dinamite – dizia ser o homem mais trabalhador do Show Bussines. Ele também disse ‘Say it Loud – I’m Black and i’m proud’. Isso em 69, auge do movimento Black Power.

Na contemporaneidade – tempo louco que vivemos, é impossível falar em musica sem ter a noção que estamos ouvindo musica Black. Uma vez com isso contextualizado, vos convido para essa celebração a musica negra. A celebração a ser broder.

~ por cafasorridente em agosto 23, 2010.

Uma resposta to “Texto Apresentação – 1 Ano Black Broder”

  1. Valeu Cafa… esse texto ficou excelente maravilha! Não vi que tinha publicado… foi o meu post de hj.

    no mais… aquele abrAÇO e #facamosjuntos

    Yuga

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: